CLÍNICA DE OFTALMOLOGIA E CIRURGIA PLÁSTICA

A arquiteta Rafaela de Castro adaptou o edifício dos anos 80 para receber uma clínica médica, mas optou por manter o átrio interno que humaniza os espaços

Para atender ao vasto programa de necessidades de uma clínica médica, a arquiteta teve que alterar todo o projeto do edifício, criado nos anos 1980 para uma grande agência de publicidade. O novo projeto incluiu centro cirúrgico, central de esterilização de materiais, apartamentos, consultórios, além das áreas administrativas, de apoio e farmácia. Para isso, foi preciso alterar a estrutura do prédio, mantendo, no entanto, o átrio interno, que contribui para a humanização do espaço.
No exterior, Rafaela utilizou pele de vidro seguindo o pedido do cliente e optou por manter o sistema de iluminação e ventilação natural concebido no projeto original por questões de insolação. Além disso, ela criou exaustores para retirar o calor do vão entre a pele de vidro e o brise já existente, garantindo que o calor absorvido pelo vidro durante o dia não se dissipasse à noite.
Os ambientes foram distribuídos seguindo normas técnicas, a fim de evitar que os fluxos de circulação se cruzassem, e também prevendo a privacidade de acesso de médicos, funcionários e de usuários externos que fossem utilizar o centro de laser. Os materiais utilizados no projeto facilitam a limpeza e a manutenção, sem deixar de lado a questão estética.

COMENTÁRIOS

Amanda Marques Cabral 24/09/2016 17h53

Vocês teriam como disponibilizar a planta do projeto da CLÍNICA DE OFTALMOLOGIA E CIRURGIA PLÁSTICA para minha pesquisa do trabalho de conclusão de curos? Obrigada

* Campos obrigatórios. Seu email não será divulgado.