YEDA GARCIA

Yeda Garcia busca inspiração em diversas fontes para seus trabalhos, museus, viagens, músicas e outros profissionais que admiram como o mexicano Ricardo Legorreta que utiliza cores intensas em suas obras.

Yeda Garcia busca inspiração em diversas fontes para seus trabalhos, museus, viagens, músicas e outros profissionais que admira como o mexicano Ricardo Legorreta que utiliza cores intensas em suas obras. A arquiteta trabalha com elementos da cultura brasileira mesclados a referências da arquitetura mundial, resultando em projetos contemporâneos e bem atuais.

FORMAÇÃO:
Decoração, Arquitetura e Urbanismo.

ÁREA DE ATUAÇÃO:
Residencial, comercial, corporativa.

A primeira vez que Yeda Garcia esteve dentro do Panteon, uma das construções mais emblemáticas da antiguidade, foi tomada por uma grande emoção que resultou em lágrimas.





A sensibilidade da arquiteta diante da beleza, da arte nas suas mais variadas formas, da linguagem arquitetônica à música, é o combustível para a realização de seu trabalho. A inspiração, segundo Yeda, pode vir de um museu, uma exposição, uma viagem, um som, uma sensação... Como, por exemplo, os trabalhos do arquiteto mexicano Ricardo Legorreta, que a instigam pela intensidade com que ele utiliza as cores em seus projetos. 






A música também tem o poder de conectar Yeda ao seu potencial criativo, funcionando como um grande fio condutor de suas ideias, levando-a a uma outra dimensão. A arquiteta admite que não consegue projetar sem ouvir música, e, entre suas preferências bem ecléticas, estão a ópera, o jazz e a música instrumental asiática. As raízes brasileiras também ecoam em sua obra..








A partir dos livros de Darcy Ribeiro, ela incorpora os elementos que fazem parte do amálgama cultural que formou o povo brasileiro. A profissional também coleciona livros e peças de art déco.
Atualmente, devido a seu dia a dia de trabalho intenso, a arquiteta não pratica esportes regularmente, mas já foi paraquedista e gostava de nadar no mar. As viagens são imprescindíveis para Yeda Garcia, que ama conhecer novas culturas, descobrir como as pessoas utilizam a cor e se apropriam dos espaços. A paixão da arquiteta por contrastes também está presente na sua escolha dos destinos, da exótica Turquia.


 


E as charmosas ilhas gregas, chegando até a ensolarada Toscana, onde ficou maravilhada com a simplicidade com que os italianos ocupam os espaços, especialmente os gourmet.





A profissional aprecia boa comida e bons vinhos, mas não se considera uma conhecedora. Ela indica o restaurante Meson Del Candido, em Segóvia, na Espanha, que fica em frente a um aqueduto romano. Prato típico: cochinillo assado.




Durante suas viagens, Yeda não abre mão de visitar exposições, uma das mais marcantes foi uma mostra de Richard Serra no Petit Palais, em Paris, que ela define como genial, especialmente por suas gigantescas chapas de aço em contraste com a delicadeza da cobertura de vidro.









Endereço: SRTVN Qd. 701, Bl. B, Sl. 130/132, Centro Empresarial Norte - Brasília-DF.

Telefone: (61) 3328 1214

Celular: (61) 33272 692

Email: contato@yedagarcia.com.br

ENVIAR MENSAGEM / OBTER CONTATO