MÓVEIS HERMÈS SÃO DESTAQUE EM MILÃO

Sinônimo de elegância, a Hermès lançou sua nova coleção de mobiliário na 50ª Edição (…)

Quarta, 18 de maio de 2011
Sinônimo de elegância, a Hermès lançou sua nova coleção de mobiliário na 50ª Edição do Salão do Móvel de Milão, praticamente uma estreia no segmento após quase 90 anos de ausência. Peças delicadas, com o apuro de perfeição característico da marca foram apresentadas em um cenário feito em papel e madeira que reproduz uma casa, com a assinatura do arquiteto Shigeru Ban e seu parceiro de Jean Gastines. Sofás, poltronas, biombos, mesas, cama e cadeiras traduzem em couro e madeira toda a tradição, atemporalidade e qualidade da grife francesa.
 
 
Passado e presente se encontraram em reedições da primeira coleção de autoria de Jean-Michel Frank (lançada entre 1920 e 1930). Um exemplo é a mesa de apoio com tampo em machetaria, que foi revestida em couro e com fundo falso. A parte de baixo pode ser deslocada lateralmente. Outro é a poltrona Confortable, um clássico da Hermès, disponível com revestimento em pele de ovelha, couro ou tecido.
 
 
A Hermès convidou os designers Enzo Mari, Antonio Citterio e Denis Montel e Éric Benqué, do estúdio RDAI, para criarem as novas peças que devem tornar-se os clássicos do século XXI. A linha Matières tem inspiração hípica, resultado de uma pesquisa histórica da marca que começou produzindo equipamentos para montaria.
 
 
A coleção combina couro, madeira e inox em peças cleans com acabamento perfeito e atenção aos detalhes. Este conceito é traduzindo na cadeira Sellier com suas linhas simples e contínuas, revestida com uma capa de couro removível que se molda perfeitamente. São móveis que transmitem uma ideia de tradição artesanal, temperada com a inventividade contemporânea.

COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a comentar!

* Campos obrigatórios. Seu email não será divulgado.