X BIENAL DE ARQUITETURA DE SÃO PAULO

Com o tema "Cidade: modos de fazer, modos de usar, modos de agir", o evento está espalhado por toda capital paulista.

Quinta, 17 de outubro de 2013
A décima edição da Bienal de Arquitetura de São Paulo abre suas portas dia 12 de outubro e tem como objetivo refletir sobre a estrutura da cidade contemporânea. Por isso, incorpora as questões urbanas em sua própria estrutura: como as exposições e eventos irão acontecer em espaços diversos, o público terá a real experiência de viver da cidade.
A escolha dos lugares que formam a rede da bienal seguiu alguns critérios básicos, como a qualidade dos espaços na relação entre arquitetura e uso, o seu significado histórico, simbólico e cultural para a cidade, e sua acessibilidade, isto é, sua articulação ao sistema de transporte público da cidade. Os organizadores pensaram em uma dinâmica na qual o visitante pode conhecer toda a X Bienal a partir de um sistema multimodal de transporte articulado (metrô, trem e ônibus), e, quando necessário, as bicicletas de uso público para trechos curtos estarão disponíveis.



O evento segue até dia 1 de dezembro e acontece nos seguintes lugares: Centro Cultural São Paulo (CCSP), Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (Masp), Centro Universitário Maria Antônia, Museu da Casa Brasileira, Praça Victor Civita, SESC Pompéia, Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes, Teatro Oficina e um apartamento localizado ao lado do Minhocão.


Continuous, de Daniel Escobar, é um dos trabalhos selecionados para a X Bienal


Exposição dedicada ao arquiteto Sérgio Bernardes reúne projetos vanguardistas para a cidade do Rio de Janeiro da década de 1960.


As fazendas urbanas da cidade de Detroit ganham exposição no CCSP.

A Bienal tem realização do departamento paulista do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB/SP), e conta com parceiros como os cenógrafos Daniela Thomas e Felipe Tassara. A curadoria é de Guilherme Wisnik, Ana Luiza Nobre e Ligia Nobre, com produção executiva da Arte3 e identidade visual de Celso Longo e Daniel Trench.

Veja abaixo o calendário completo da X Bienal de Arquitetura de São Paulo:

SEQUÊNCIA DE ABERTURAS

12/10
Museu da Casa Brasileira
15h Mesa “Modos de habitar”
Eduardo Longo, Giovanna Borasi, João Manoel Scudeler de Barros, João Sette Whitaker, Rainer Hehl
Mediação: Ana Luiza Nobre, Guilherme Wisnik, Ligia Nobre

12/10
Centro Cultural São Paulo
19h Mesa de abertura
Realizadores e parceiros institucionais

14/10
Centro Universitário Maria Antônia
19h Mesa redonda “Modos de ser moderno”
Lina Kim, Michael Wesely
Mediação: Guilherme Wisnik

15/10 
20h Sesc Pompeia
Solenidade de abertura da exposição

SEQUÊNCIA DE AÇÕES, PALESTRAS E WORKSHOPS

12, 13, 15 e 16/10
Centro Cultural São Paulo
09h – 20h Fruitmap.at + MUDA - Movimento Urbano de Agroecologia de São Paulo
Oficinas; performance; feira de trocas de brinquedos contra o consumismo infantil; premiação dos verdadeiros heróis da alimentação, os pequenos produtores; plantio e manejo na horta do Centro Cultural SP

12/10
Estação Paraíso do Metrô – Linha 1 Azul (Projeto Encontros)
11h PicNic no Metrô 

14/10
Praça Victor Civita
14h Palestra “Walkscapes: o andar como prática estética”
Francesco Careri
Mediação: Ana Luiza Nobre

15/10
Escola da Cidade
14h00 Palestra: Bi-Bienal de ArquiteturaUrbanismo Shenzhen-Hong Kong 2013
Jorn Konjin, Curador Adjunto
Mediação: Guilherme Wisnik, Ligia Nobre, Ana Luiza Nobre

16/10
Casa do Povo
17h – 19h30 Workshop “Plan Común: público – privado”
Felipe de Ferrari, Ciro Miguel, Bruna Canepa, Hayako Oba, João Paulo Meirelles de Faria, Nadezhda Mendes da Rocha, Paulo Von Poser
[inscrições]

16/10
Casa de Francisca
21h “Música de fazer, música de usar”
Show-conversa entre Luiz Tatit e Isay Weinfeld
[evento pago]

17/10
Sesc Pompeia
20h Mesa redonda “Modos de Colaborar #1- Residências Cidade Tiradentes e Bixiga”
Guilherme Cesar (CFCCT), Al Borde, NACCO, Carlos Teixeira/Vazio SA, KU Leuven, Teatro Oficina e convidados 
Mediação: Ligia Nobre e Ursula Troncoso

18/10
Museu da Casa Brasileira
11h e 16h Visitas guiadas à Casa-Bola, de Eduardo Longo

19/10
Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes
Modos de Colaborar – Confraternização Final da Residência Colaboração
Com NACCO, Al Borde, comunidade e colaboradores 

19/10
Casa do Povo
11h – 18h Workshop “Nós, Brasil! We, Brazil!”
Coordenação: Matthias Böttger e Renato Cymbalista
[oficina para convidados]

19/10
Instituto Lina Bo e P. M. Bardi
Colóquio “Lina Bo Bardi em seu tempo”
15h – 17h Mesa “Conversando sobre Lina: arquitetura”
Stanislaus Von Moos, David Leatherbarrow, Francis Strauven
Mediação: Carlos Eduardo Comas

19/10
Centro Cultural São Paulo
16h ENTRE na Bienal
Encontro com Álvaro Puntoni
Jardim Suspenso

20/10
Casa do Povo
11h – 17h Workshop “Nós, Brasil! We, Brazil!”
Coordenação: Matthias Böttger e Renato Cymbalista
[oficina para convidados]

20/10
Instituto Lina Bo e P. M. Bardi
Colóquio “Lina Bo Bardi em seu tempo”
14h – 15h30 Mesa “Conversando sobre Lina: América Latina”
Barry Bergdoll, Carlos Eduardo Comas, Carlos A. F. Martins
Mediação: Renato Anelli
16h – 18h Mesa “Conversando sobre Lina: urbanismo”
Marcelo Ferraz, Renato Anelli, Cláudia Cabral, Maria Cristina Leme
Mediação: Guilherme Wisnik

COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a comentar!

* Campos obrigatórios. Seu email não será divulgado.