O poder do pé-direito duplo

Tendência atemporal permite inúmeras possibilidades aos projetos arquitetônico e de interior

Segunda, 17 de julho de 2017
Glamour, liberdade e amplitude, esses são alguns dos pontos que o recurso do pé-direito duplo garante a um projeto de interior. Toda essa distância entre o chão e teto, apesar de ser tão presente atualmente, não é nada recente. A história do pé-direito ampliado remonta das antigas catedrais do século XVIII. A expressão é autenticamente brasileira e é usada desde a Idade Média, quando, segundo constam registros históricos, se referia aos pilares de madeira que sustentavam as obras.

Até meados dos anos 1950, o pé-direito tinha cerca de 3 metros, mas com o boom populacional pelo país, ele foi diminuindo a partir da década seguinte. O pé-direito é geralmente mais comum em construções que tenham um segundo pavimento. A altura mínima indicada para o pé-direito em um projeto residencial é de 2,30 metros, e para que o mesmo seja considerado alto é preciso ter entre 3 e 6 metros.


Casa AP&C
Essa residência projetada pelo arquiteto Pedro Ernesto Gualberto e a designer de interiores Leandra Castro tem um living imponente e aconchegante. Os profissionais garantiram os dois quesitos ao conceber um pé-direito altíssimo, com mais de 6 metros, para o espaço.



Casa da Pianista
Neste projeto para uma família cuja filha caçula é uma pianista, a dupla de arquitetas Ana Paula Munhoz e Gabriella Saback lançaram mão de muita sensibilidade. Para inserir fluidez e uma atmosfera mais minimalista, as duas utilizaram o pé-direito alto e grandes vãos por toda a casa.



Varanda com lar
As arquitetas Andréia Spessatto e Naira Sá assinam o projeto de interior deste apartamento que valoriza a vista para o parque logo em frente. Dessa forma, a dupla criou uma varanda ampla e acolhedora, com pano de vidro e o pé-direito elevado. A predominância de tons terrosos ajudou a tornar mais intimista o layout.



Residência Anápolis
O arquiteto Dalson Pereira aliou aconchego e sofisticação no projeto de interior desta residência. O hall de entrada e o living ganharam um pé-direito alto, o que unificou os espaços. O mobiliário é clássico e o décor atemporal.



Restaurante Casa Oliva
Os irmãos arquitetos Eduardo e Karla Bittar criaram uma espécie de sinfonia entre arquitetura e natureza neste projeto. Eles resgataram o conceito de liberdade com um salão amplo, com pé-direito elevado e a presença de uma oliveira no coração do local.



Casa Bueno Fonseca
Uma casa com linhas modernas e orgânicas. O arquiteto Jefferson Castro é o responsável por essa concepção sofisticada e contemporânea. A área social, com pé-direito elevadíssimo e os ambientes integrados, tem acesso direto à parte de lazer. As grandes aberturas envidraçadas valorizaram ainda mais o layout.



Casa Passarela
Neste projeto arrojado assinado pelo Studio Nando Nunes, os espaços de estar, jantar e hall de entrada deram lugar a uma espaçosa varanda gourmet. Integrado à área externa com piscina por portas de correr de vidro, o espaço tem o pé-direito altíssimo, tornando o décor mais majestoso e amplo.



Casa Alphaville
A arquiteta Ninfa Canedo assina o projeto arquitetônico, de interior e paisagístico dessa residência. O acesso ao jardim foi garantido pelos grandes vãos criados pela profissional. O living, com pé-direito duplo, é espaçoso e prima pelas referências clássicas.



Residência J&F
Este projeto assinado por Paulo e Vera Maria Delmondes, em Campo Grande, tem uma proposta contemporânea e linhas minimalistas. Com grandes aberturas em vidro, o pé-direito alto privilegia o convívio familiar e tem ares mais aconchegantes em razão da paleta de tons neutros. Os panos de vidro privilegiam o paisagismo da área externa.



Casa A+L
O arquiteto William Hanna concebeu um verdadeiro refúgio familiar com este projeto residencial. Os espaços de uso social foram integrados e, com o pé-direito alto, tiveram melhor aproveitamento da iluminação natural. Elementos como pedra, madeira e estruturas metálicas foram harmonizados, de forma que o projeto ganhou uma volumetria muito sofisticada.


Quer conferir mais alguns projetos que trazem o pé-direito elevado como destaque? Clique aqui: http://www.anualdesign.com.br/blog/6185/pe-direito-duplo-recurso-que-engrandece-obras/

COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a comentar!

* Campos obrigatórios. Seu email não será divulgado.